O que ver, fazer nas Gaeiras

É nas Gaeiras que se situa a Vila romana “Eburobrittium”, dando assim o mote à presença deste ilustre povo na nossa região. Mas não só, aqui nesta freguesia do concelho de Óbidos, o convento de São Miguel torna-se numa visita indispensável.

A freguesia das Gaeiras é composta por cerca de 2500 habitantes espalhados por 10,2 Kms quadrados.

Convento de São Miguel

O Convento de São Miguel, Gaeiras, faz ainda parte do concelho de Óbidos, fazendo fronteira com o concelho vizinho de Caldas da Rainha.

O património foi edificado pelo Cardeal D. Henrique com a autorização do papa Pio V (Antonio Ghislieri, Michele, nascido em Milão, Itália). Diz que  tudo começou no ano de 1569, na Lagoa de Óbidos, num lugar que ainda hoje ainda existe e tem como nome Arelho, quando o Cardeal e o Frei Damião da Torre seguiam para Alcobaça de passagem, fundando assim o convento de São Miguel de Trás do Outeiro. Entretanto, o local onde estava edificado tornou-se inabitável e insalubre.

Anos depois em 1602, o convento foi refundado nas Gaeiras, perto de Óbidos, agora por D. Dinis de Lencastre (alcaide de Óbidos) e  sua mulher D. Isabel Henriques. A obra foi continuada pelo filho dos dois - D. Afonso de Lencastre, para cujo local havia sido adquirida uma terra na Quinta de Vale de Flores.

A obra que não tinha sido acabada à época de 1740, recebeu a visita do D. João V, famoso rei ligado à cidade vizinha das Caldas da Rainha (o rei fez, nada mais nem  menos que 13 tratamentos nas águas termais da cidade) e que em viagem a Óbidos, passa pelo Convento das Gaeiras, e doou oitocentos mil réis para que a igreja fosse finalizada.

Vila Romana Eburobrittium

A Vila Romana de Óbidos foi descoberta após o começo da construção da Auto-Estrada A8 e fica em terrenos privados, como tal hoje em dia não é possível visitar, pois a propriedade está fechada ao público. No entanto, vai seguindo a nossa plataforma, pois é usual existirem visitas guiadas organizadas ao local.

Encontra Aqui

Segue-nos